quinta-feira, 14 de janeiro de 2010

Produção textual

A menina

Sentia-se cansada, feliz, desperta. Pulava e bagunçava.
As pessoas grandes ao redor já não aguentavam mais, seu ânimo não era mais o mesmo de tempos anteriores. Pensavam em como um ser pequeno poderia causar tamanho alvoroço.
Todos os olhos estavam voltados para aquela menina, com seu cabelo desfeito, pezinhos sujos, despidos de seus sapatinhos e o laço do vestido rosdo, desatado.
Depois de tanto correr e se movimentar como um raio, ela dormiu. As mesmas pessoas que anteriormente a observavam se foram, sossegaram ao vê-la ressonando. Não passava de um anjinho, ou uma boneca animada em sua respiração profunda.
Ao final daquele dia, cada um de seus observadores pensou na essência de ser feliz, e chegaram à mesma conclusão, ainda que por meios diferentes...
... Uma criança realmente sabe viver.

Um comentário:

Jéssica Félix disse...

belo post ^^ escreve bem,gostei muito da maneira como descreveu uma criança,e realmente,sabem como viver.bjs!